Entre os grandes mestres japoneses que difundiram o Shiatsu, há aqueles que são menos conhecidos dos praticantes, pois ele era acima de tudo um mestre das artes marciais. Estudando muitos estilos de luta, ele se tornou aluno de Okuyama Ryuho sensei (fundador do Koho Shiatsu). Ele é Harada Shinsei, fundador tanto da escola marcial quanto do Shiatsu Jigen Ryū.


HARADA Shinsei Sensei nasceu em 28 de dezembro de 1939 na provincia de Nagano  (長野市),  na ilha de Honshū. Aos oito anos, a família mudou-se para Osaka;  aos 11 foi aceito na escola de Shi Tennō-ji (四天王寺), o templo budista mais antigo do Japão [1]. Mais tarde, ele adotou o nome de seu monge, “Kojun”.

De 1954 a 1961,  ele praticou Judô Kodokan no ginásio de Uenomiya sob a direção de WATANABE sensei, depois Daïto Ryū Aikijujutsu e Takuma Ryū sob a direção de TAKASHIRO sensei. De 1963 até o início dos anos 1970, ele estudou Hakko Ryū Jujutsu e Koho Igaku Shiatsu, primeiro com GOTO shihan, depois diretamente com o fundador OKUYAMA Ryuho, e recebeu a mais alta licença desta escola. Além de suas atividades relacionadas a sistemas de combate corpo a corpo, HARADA Sensei também praticou Muso Jikiden Eishin Ryu Iaijutsu (espada) e mais tarde Heki Ryu Kyudo (arco) sob a orientação de ENDO shihan.

Harada Shinsei, demonstração de Kyudo durante o “Nihon no Matsuri”, Festival Japonês de Ghent. (c) Marianne Andries

Ele então fundou e ensinou Jigen Ryū, um sistema baseado em todas essas experiências, que foi chamado pela primeira vez de “Daiwa Ryū” (大和流) na Europa, mas  também, no ano de 1991 foi renomeado oficialmente de “Jigen Ryū” (慈眼流, lit.: Escola de Visão da Compaixão). Apenas atenção, não se engane aos que conhece as escolas japonesas. A palavra Jigen Ryū é o homônimo da antiga e venerável escola Jigen Ryū,  cujos caracteres são escritos 示現流 (literalmente Escola da Realidade Revelada) e  foi fundada por Tōgō Chūi no final do século XVI.

Harada Kojun durante uma aula de Shodo -caligrafia japonesa- no escritório da Frans Copers em Ghent – ​​Bélgica. (c) Marianne Andries

De 1981 a 1984, por ordem do Shitennoji, Harada Sensei  viveu e ensinou na Áustria, depois alternou entre Bélgica, Inglaterra, Japão e Áustria, antes de retornar ao Japão em 1991. Criou um dojo tradicional de Kyudo  perto de Suffolk na Inglaterra. Ele ensinava em uma mistura de japonês, inglês e alemão, mas a maior parte de seu ensino era através do corpo. Ele frequentemente retornava à Áustria para ensinar seus alunos, e outras vezes os alunos iam  ao Japão para continuar o aprenzado. Entre eles, Frans Copers, fundador da Federação Belga de Shiatsu e ex-presidente da Federação Europeia de Shiatsu, ele é o herdeiro da escola Jigen-ryū  na Bélgica. Aqui está o seu testemunho sobre HARADA sensei.

“Conheci o HARADA Kojun shinsei (= reverendo) no final dos anos 80, poucos anos depois da minha primeira viagem ao Japão, onde fiquei 8 meses para estudar Shiatsu (Iokai Center); treinando  Aikido e aprendendo  mais sobre Macrobiótica (Sei Shoku) e medicina e costumes japoneses.

De fato, um dia, enquanto caminhava pela cidade, vi um japonês totalmente vestido com roupas tradicionais, hakama, haori, tabi, tatami zori…. e não pude deixar de me dirigir a ele no meu pobre japonês. 

Felizmente, ele também falava alemão e um pouco de inglês. Harada Shinsei acabou por ser um sacerdote budista do Templo Budista Shitenno-ji. Também era especialista em artes marciais (Jiu Jitsu, Iai Jitsu, Tameshi giri e Kyudo), medicina japonesa (Shiatsu, Acupuntura, moxa), Shodo (caligrafia) e Chado (cerimônia do chá). Além disso, ele também era um ótimo cozinheiro!“

Chado – cerimônia do chá – em Londres com Harada sensei e Sep Overlaet, mestre de Kyudo (tiro com arco) no templo Shitennoji. (c) Marianne Andries

Ele era o principal mestre do ramo europeu do templo que, além da prática espiritual e da meditação, também dirigia um hospital e uma escola, semelhante aos mosterios católicos da Idade Média. O templo tinha uma grande propriedade na Inglaterra, perto de Londres (Suffolk), onde havia salas de aula, dormitórios, um templo budista para adoração e um dojo Kyudo (arco com arco).

Eles também tinham uma casa grande, ou melhor, um pequeno castelo, perto de Viena (Áustria) e outra perto de Ghent (Bélgica), a cidade onde morei  e ainda moro,  levando  seus alunos do ensino médio para se comunicar  e estudar a cultura ocidental  e o modo de vida.

Harada sensei à esquerda, Nakayama san ao centro e Frans Copers à direita durante a preparação de uma refeição japonesa na cozinha Shitenoji em Ghent – ​​Bélgica. (c) Marianne Andries

Durante três anos, estudei intensamente com ele, meditamos juntos, praticamos artes marciais e , claro,  estudamos shiatsu e medicina oriental. Ajudei-o  em seus workshops e organizando alguns eventos japoneses com a equipe de Shitenno-ji, como Deguchi Shinsei, o presidente da filial européia. Esses eventos foi sucesso grandioso  na época. (Nihon no Yube ou despertar japonês e Nihon no Matsuri ou festival japonês).

Antes de retornar ao Japão, ele me nomeou professor na escola Jigen Ryu Kappo Shiatsu.

Após seu retorno ao  Japão, não tive mais notícias dele, mas ele ainda faz parte de mim e da minha vida e sempre viverá no meu coração!

Manipulação  na coluna lombar por Harada sensei. (c) Marianne Andries

A essência do Método Jigen Ryu Shiatsu em poucos pontos.

  • Tratamos os meridianos, não os pontos.
  • Diagnóstico de pulso e detecção do meridiano mais Kyo.
  • Tratamento dos meridianos de “equilíbrio” Fígado, Vesícula Biliar, Triplo Aquecedor e Mestre do coração/Pericárdio.A técnica  chamo de kanguro : todo o meridiano é tratado ritmicamente com um intervalo de alguns cuns entre cada pressão.
  • Tratamento do meridiano Kyo com a técnica de punção . Tocamos o ponto suavemente, pressionamos até o limite da tensão/dor, esperamos um momento e damos uma pressão repentina e forte com uma liberação repentina.
  • A técnica Kanguro é considerada mais leve que a técnica Punção
Demonstração de Shiatsu sentado por Harada sensei. (c) Marianne Andries

Nota-se que os meridianos também têm outra qualidade, por exemplo, o tratamento do meridiano da  Bexiga serve para tonificar todo o corpo e o tratamento do meridiano do Estômago é considerado como  um efeito relaxante.

Existem outras técnicas para tratar problemas locais, com  moxa, acupuntura e  as Zonas de Hirata. Essas zonas  podem ser comparadas aos dermátomos da medicina ocidental. »

Demonstração de Iaido por Harada Shinsei. (c) Marianne Andries

Em 2003, ele foi diagnosticado com câncer, que foi bem tratado. Em outubro/novembro de 2005  Harada Sensei realizou seu último seminário de Jigen Ryū Jujutsu em Viena, e comemorou “100 anos de Jiu Jitsu na Áustria”. Voltando  ao Japão, após uma grave doença, Harada Sensei terminou sua existência terrena como dizem na tradição budista, em 9 de outubro de 2006. Ele deixa um legado que seus alunos e assistentes continuam.

Auteur : Ivan BEL

Tradutora : Alice Rumi


Nota :

[*] Imagem da capa: “Demonstração de Shiatsu no” ‘Nihon no Matsuri’, Festival Japonês em Ghent “

[1] O Templo Shi Tennō-ji foi construído em 593 pelo Príncipe Shōtoku. Ele o dedicou às quatro divindades guardiãs dos horizontes, os shitennō.